gdz korinskaja geografija 7 klass rabochaja tetrad' reshebnik po anglijskomu 6 klass 2014 perejti na stranitsu gdz geometrija gdz
Estatutos PDF Imprimir e-mail
Escrito por Direcção   
03-Abr-2008

                                    

Artigo 1º

            A Associação tem o nome de G.A.D.A.G. - Grupo Aventura e Desporto de Alcantarilha Gare, e a sua Sede Social na região da Estação de Alcantarilha, freguesia de Alcantarilha, concelho de Silves e distrito de Faro. 

Artigo 2º

            A Associação tem por objectivo a promoção de actividades desportivas, recreativas, culturais e sociais  entre os seus associados e comunidade em geral. 

           Artigo 3º           

             O  G.A.D.A.G. é uma associação sem fins lucrativos, tendo carácter apartidário, não fazendo distinção de nacionalidade, credo, ideologia ou raça. 

Artigo 4º

            São órgãos do G.A.D.A.G.,  a Assembleia Geral, a Direcção e o Conselho  Fiscal, podendo ser criadas secções para colaborar com a Direcção. 

Artigo 5º

             A Assembleia Geral é a reunião de todos os associados no pleno uso dos seus direitos, possui a autoridade máxima pois é nela que reside todo o poder da Associação, dentro dos limites da Lei e dos presentes Estatutos, e perante ela responde a Direcção, cuja a actividade está sujeita com carácter de permanência à fiscalização do Conselho Fiscal. 

Artigo 6º

             Para que a Associação fique validamente obrigada são necessárias duas assinaturas, sendo obrigatórias a assinatura do Presidente, (ou na sua ausência ou impedimento a do Director Administrativo ), conjuntamente com a assinatura do Director Financeiro.

Artigo 7º

           São património da Associação as receitas da quotização mensal dos Sócios e das taxas cobradas pelos serviços prestados e, mediante deliberação da Assembleia Geral, quaisquer bens que tragam encargos de médio ou longo prazo, bens doados, ou por via testamentária. 

Artigo 8º

            A Associação durará por tempo indeterminado, mas no caso de se dissolver pelos  motivos constantes na Lei, será o seu património pertença de quem a Assembleia Geral deliberar nesse sentido.

Artigo 9º

            O mandato dos Corpos Gerentes tem a duração de dois anos, sendo permitida a sua reeleição, e o desempenho dos cargos é gratuito. 

Artigo 10º

            A mesa da Assembleia Geral é composta por um Presidente, um primeiro Secretário e um segundo  Secretário. 

Artigo 11º

            Compete ao Presidente da Mesa da Assembleia Geral convocar e dirigir os trabalhos, investir os sócios nos respectivos cargos, assinando com eles os termos de posse e livros de actas da Assembleia Geral. Ao primeiro Secretário, auxiliar o Presidente e substituí-lo nos seus impedimentos. Ao segundo Secretário, promover todo o expediente da Mesa, lavrar as actas da Assembleia Geral e os termos de posse, assinando conjuntamente com o Presidente. 

Artigo 12º

             A Direcção será constituída por sete membros efectivos: o Presidente, o Director Administrativo, o Director Financeiro, o Director Desportivo, o Director de Futebol, o Director de Marketing  e o Director Recreativo. 

Artigo 13º

             Ao Presidente da Direcção compete presidir às sessões da Direcção, com direito a voto e, em caso de empate, usar do voto de qualidade; representar a Associação em actos oficiais ou propor quem o substitua; assinar todas as actas e rubricar todos os livros da tesouraria; assinar cheques, ordens de pagamento e movimentação das contas bancárias, conjuntamente com o Director Financeiro. 

Artigo 14º

            Ao Director Administrativo compete auxiliar o Presidente da Direcção em todos os seus trabalhos e substituí-lo nos seus impedimentos, bem como, lavrar todas as actas da Direcção. 

Artigo 15º

            Ao Director Financeiro compete escriturar o movimento financeiro da Associação; assinar cheques e ordens de pagamento, conjuntamente com o Presidente; fiscalizar a cobrança dos rendimentos; organizar os balanços anuais e Relatório e Contas e despesas do fundo social, bem como,  organizar o Orçamento. 

Artigo 16º

               Ao Director Desportivo, Director de Futebol, Director de Marketing e Director Recreativo, bem como, aos Directores Adjuntos, compete coadjuvar os trabalhos da Direcção em tudo o que seja necessário, desde que tal lhes seja solicitado. 

Artigo 17º

               O Conselho Fiscal compõe-se de um Presidente, um Secretário  e um Relator.

Artigo 18º

               São atribuições do Conselho Fiscal,  fiscalizar todos os actos administrativos da Direcção; examinar as contas e escrituração dos livros da Tesouraria e apresentar à Assembleia Geral o seu parecer sobre o Relatório e Contas e demais actos administrativos da Direcção.

              Artigo 19º               

                Nos casos omissos dos presentes Estatutos, é determinante a observância do Regulamento Geral Interno e do deliberado pela Assembleia Geral, sempre de harmonia com a Lei em vigor.

Actualizado em ( 16-Abr-2008 )